Month: março 2012

Mendonça descartou dar reajuste linear de 22,08% em 2013 para o funcionalismo federal

Funcionalismo federal terá reajuste de benefícios em 2012 Brasília –  O secretário de Relações de Trabalho do Ministério do Planejamento e Gestão, Sérgio Mendonça, afirmou que o governo pode conceder no segundo semestre deste ano reajustes para benefícios do funcionalismo, como auxílio alimentação, caso haja espaço no Orçamento que possibilite o aumento. “Até 31 de julho, vamos ver se tem espaço para reajuste de benefícios que constam na pauta geral que causarão impacto ainda em 2012. Embora não possa prometer, vamos avaliar as contas deste ano. Continue lendo

Governo congela 1.469 nomeações de concursos

Objetivo da União é segurar a posse dos novos servidores federais para que os aprovados sejam admitidos sob regras do Regime de Previdência Complementar Brasília –  O sonho da estabilidade em emprego público, por meio de concurso, levará mais tempo para quem foi aprovado na esfera federal. O governo congelou 1.469 nomeações até que os três fundos de previdência complementar do funcionalismo sejam homologados. O prazo para que o novo sistema entre em vigor pode levar até 180 dias. A presidenta Dilma Rousseff tem até 15 Continue lendo

CONDSEF: reajuste linear de 22,08% para todas as categorias do Executivo

À espera do aumento Após a primeira rodada de negociações, os servidores do governo federal aceitaram prorrogar em um mês o prazo limite para que o governo apresente uma proposta às reivindicações da campanha salarial de 2012. Os sindicalistas querem reajuste linear de 22,08% para todas as categorias do Executivo e chegaram a prometer uma greve geral para o início de abril. Depois de sentarem à mesa com o novo secretário de Relações do Trabalho, Sérgio Mendonça, entretanto, o prazo para a greve foi estendido Continue lendo

Servidores federais podem entrar em greve dia 8 de maio

Brasília – Servidores federais dos Três Poderes prometem greve geral a partir do dia 8 de maio, com adesão de dois milhões de trabalhadores, caso não tenham as reivindicações atendidas pelo governo federal. Eles reivindicam abertura imediata de negociações por reajuste salarial. Para forçar o diálogo, cerca de 10 mil funcionários públicos de vários estados organizam marcha pela Esplanada dos Ministérios, a partir das 10h de amanhã (28). Às 11h, representantes das centrais sindicais serão recebidos pelo secretário de Relações do Trabalho, do Ministério do Continue lendo

Senado sonegador: A Receita quer obrigar senadores a recolher impostos sobre os 14° e 15° salários

Senado sonegador A Receita quer obrigar senadores a recolher impostos sobre os 14° e 15° salários, o que não ocorre desde 1995, quando a regalia foi criada. Graças à benesse, cada parlamentar deixa de pagar R$ 14 mil por ano Quatro processos de investigação começaram a tramitar simultaneamente na Receita Federal na semana passada. Eles se referem a uma das regalias desfrutadas por congressistas brasileiros: o recebimento dos 14º e 15º salários sem a necessidade de descontá-los no imposto de renda. Isso ocorre graças a Continue lendo

Os tentáculos do auditor espião

Um espião na Esplanada O ex-auditor Pedro Anceles, elogiado pelo secretário da Receita Federal, influenciava decisões tomadas no coração do governo enquanto defendia interesses do setor privado LEONARDO SOUZA E HUDSON CORRÊA                                   Na história da espionagem são raros os episódios em que um agente duplo é flagrado em plena atividade e sua identidade é revelada ao público. São tão raros que seus nomes ficam conhecidos. É o caso Continue lendo

SINAL: Correção deveria fixar subsídios de Analistas com inicial de R$ 15.581,44 e final de R$ 22.214,79

Confira a diferença entre o valor do salário corroído e o corrigido pela inflação medida pelo IPCA A inflação (IPCA) acumulada desde julho de 2008 e a falta de correção dos salários do Banco Central reduziram em 20,22% o poder de compra de nossos salários. Em consequência do processo de corrosão inflacionária, o subsídio de ingresso dos analistas, pactuado em R$ 12.960,77 nas negociações de 2008, apresenta hoje poder de compra de R$ 10.780,88. Corrigido pela inflação medida pelo IPCA, o subsídio deveria alcançar o valor de R$ Continue lendo

Sérgio Mendonça: Saúde e Educação terão prioridade de reajustes salariais

Aumento para Saúde e Educação O secretário de Recursos Humanos do Ministério do Planejamento, Sérgio Mendonça, informou que servidores das áreas da Saúde e da Educação terão prioridade do governo federal em 2013 na concessão de reajustes salariais. Mas ele garantiu que a União não deixará de lado as outras categorias do funcionalismo público. Mendonça ressaltou que este ano serão cumprido todos os reajustes dos acordos fechados com as categorias, mesmo o Congresso ainda não tendo provado os projetos que preveem os aumentos. Já a Continue lendo

União exige prova de vida para pagar aposentadorias

Pensionistas de servidor também terão que ir ao banco onde recebem seus benefícios Brasília –  Os servidores aposentados e pensionistas da União terão que comprovar que estão vivos para continuar recebendo seus benefícios. A secretária de Gestão Pública do Ministério do Planejamento, Ana Lúcia Amorim, informou ontem que serão enviadas cartas aos inativos para que façam prova de vida. A União tem 522 mil aposentados e 400 mil pensionistas, sendo 93 mil inativos e 70 mil viúvas e filhos de servidores no Rio. Segundo Ana Lúcia, Continue lendo

Servidor Federal: Reajuste do “Vale Coxinha” deve ficar para 2013

Tíquete-alimentação de servidor federal deve ter aumento apenas em 2013 Em reunião com sindicatos de servidores federais, o secretário de Relações do Trabalho do Ministério do Planejamento, Sérgio Mendonça, disse que reajustes de benefícios, como o do tíquete-alimentação, devem ficar para 2013. A informação foi passada pelos sindicalistas presentes ao encontro. O Planejamento não comentou a reunião e informou que o assunto ainda está na mesa de negociações. Mendonça, no entanto, se comprometeu a avaliar o estudo feito pela Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Continue lendo

MPF ajuíza ação para obrigar Receita Federal a cumprir lei

Programa do IRPF não permite que deficientes e portadores de doença grave usufruam do direito à tramitação prioritária de suas declarações A Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão (PRDC), órgão do Ministério Público Federal (MPF) em Minas Gerais, ajuizou ação civil pública para obrigar a Receita Federal à adoção das medidas necessárias para permitir que pessoas com deficiência e portadores de doença grave usufruam do benefício da tramitação prioritária de seus procedimentos administrativos, inclusive das declarações do Imposto de Renda e eventuais restituições. O direito Continue lendo

Ao amigo Nilson Mendes Júnior

A Morte não é Nada A morte não é nada. Eu somente passei para o outro lado do Caminho. Eu sou eu, vocês são vocês. O que eu era para vocês, Eu continuarei sendo. Me dêem o nome que vocês sempre me deram, Falem comigo como vocês sempre fizeram. Vocês continuam vivendo no mundo das criaturas, Eu estou vivendo no mundo do Criador. Não utilizem um tom solene ou triste, Continuem a rir daquilo que nos fazia rir juntos. Rezem, sorriam, pensem em mim. Rezem Continue lendo

MARCO ALCÂNTARA: ANALISTA-TRIBUTÁRIO RECEBE PORTARIA DE ELOGIO EM BELÉM

Fique Sabendo: Alfândega do Porto de Belém discute destinação de mercadoria em reunião de chefias Os inspetores Sérgio Luiz Noronha Fraiha e Benedito J Azevedo (titular e adjunto, respectivamente), os chefes de seção da ALF/BEL e o chefe da IRF/Barcarena se reuniram na manhã da terça-feira (6/03) para tratar, dentre outros assuntos, da destinação de mercadorias apreendidas, da utilização de lacres da RFB nas operações de trânsito aduaneiro, e do projeto de reparos nas instalações do edifício-sede da unidade. Na ocasião, o servidor Marco Aurélio Continue lendo

CEDS, DS e CEM de Minas Gerais preparam-se para retomar a Mobilização dos Analistas-Tributários

O ano de 2011 foi duro para os Analistas-Tributários, surpreendidos por uma Ação Direta de Inconstitucionalidade contra legítimos avanços de nosso cargo. Perplexos, os Analistas de Minas Gerais mobilizaram-se, chamaram o Conselho Estadual, as Delegacias Sindicais, elegeram um Comando Estadual de Mobilização e transformaram a perplexidade em ações produtivas. Entre assembleias, reuniões e encontros, apontaram um caminho e dele retiraram os primeiros obstáculos. 2012 será o tempo de pavimentá-lo. O primeiro passo nesse sentido foi dado pelo CEDS-MG, em meados de fevereiro, marcando a primeira Continue lendo