Receita: teletrabalho e contratação de 9 mil ATA’s de NM e 130 ATA’s de NS

Secretário: planejamento estratégico dá certo quando as pessoas se comprometem

Fonte: INFORME-SE (RFB)

Na primeira RAE-N (Reunião de Avaliação Estratégica Nacional) de 2011, o secretário da RFB reafirmou seu compromisso com o planejamento estratégico e explicou que o sucesso deste depende do comprometimento das pessoas. “Eu estou comprometido”, disse. O evento ocorreu em Brasília, em 1 a 3 de fevereiro.

Secretário Carlos Alberto Barreto reafirma compromisso com planejamento ao lado do coordenador-geral da Copav, Wolney Cruz (clique para ampliar)

Barreto lembrou que o planejamento atual foi construído para o triênio 2009-2011, estando, portanto, em sua parte final. “A retomada do planejamento estratégico da RFB para 2012-2015 deve incluir a construção de uma cadeia de valor da organização, seguida pelo mapeamento e modelagem dos processos de trabalho da RFB”, explicou.

Novo formato – O coordenador-geral de Planejamento, Organização e Avaliação Institucional, Wolney de Oliveira Cruz, disse que qualquer modelo de planejamento prevê um momento de análise e avaliação. Assim, o formato da primeira metade da reunião com os administradores foi alterado – com utilização do programa Sage, foram mostrados os indicadores de sucesso dos projetos e, ao invés de apresentaçãoes somente expositivas, serão geradas deliberações. Consultados ao fim do evento, os superintendes aprovaram o novo método. As próximas reuniões serão realizadas a cada três meses.

Recursos humanos – Dentro do objetivo estratégico “Motivar e comprometer as pessoas”, a Subsecretaria de Gestão Corporativa informou que será encaminhado ao Ministério do Planejamento, pedido de contratação de 9 mil ATAs de nível médio e 130 ATAs de nível superior – em formações específicas como engenharia, pedagogia, psicologia e administração. A Sucor falou também sobre a discussão de possibilidades de implantação de teletrabalho na RFB.

Copa e Olimpíadas – Dentro do Projeto Copa 2014 e Olímpiadas 2016, os preparativos precisam estar prontos em 2013, para a Copa das Confederações. Para tal, diversas ações (como aquisição de equipamentos e sistemas novos) tem de ser iniciados imediatamente. O objetivo é evitar filas nas fronteiras e nas aduanas (que são ruins para a imagem do Brasil no exterior) e o acúmulo de cargas e bagagens, focando em segurança, agilidade e simplificação. Em fevereiro, será formado um grupo de trabalho para levantar as necessidades nas áreas afetadas: sistemas aduaneiros, procedimentos, legislação, equipamentos e tecnologia e recursos humanos.

Aduana – Barreto defendeu maior aperfeiçoamento na metodologia de avaliação dos índices de cobertura da fiscalização aduaneira, diante de reparos feitos ao sistema atual por alguns dos superintendentes regionais. Ele reconheceu o esforço das superintendências e unidades regionais para cumprir as metas no setor.

Fiscalização Digital – O coordenador-geral de Fiscalização anunciou a intenção da RFB de implementar a “fiscalização digital”, que promoverá automatização e digitalização dos procedimentos da área. Antonio Zomer falou também dos estudos em torno da criação da Malha PJ.

No encerramento do evento, o secretário disse estar “a cada dia mais convicto que a essência de qualquer paradigma exitoso reside nas pessoas, na criatividade e na genialidade do capital humano; na meritocracia em que esta Casa é rica”. Barreto solicitou aos administradores que retransmitissem esses valores e crenças aos servidores. “Somos todos anjos com uma asa só. Só voamos abraçados uns aos outros”, finalizou

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.