UNACON: Servidores de todo o país retomam atuação nos dias 14 e 15 de junho

unacon_cguEM DEFESA DA CGU

No DF, além de ato público em frente ao órgão, está prevista ação no Congresso. Nos estados, atividades serão convocadas por cada delegacia sindical. Paralisação de 48 horas foi aprovada em AGE

O Unacon Sindical retoma atuação em Defesa da Controladoria-Geral da União (CGU). Servidores de todo o país voltam a se reunir nos dias 14 e 15 de junho contra a Medida Provisória 726/2016. A paralisação de 48 horas foi aprovada na semana passada (relembre aqui). No DF, além de ato público em frente ao órgão, a partir das 10h, está prevista articulação no Congresso Nacional para buscar apoio parlamentar em prol da manutenção do órgão. Nos estados, calendário de atividades será divulgado por cada delegacia sindical.  O ministro Torquato Jardim está ciente da continuidade da mobilização. O Sindicato comunicou a deliberação nesta segunda, 13, por meio do Ofício n° 122/2016.

O Sindicato trabalha para que o governo revise a Medida Provisória 726/2016. Publicada no dia 12 de maio, a MP tem duração de 60 dias prorrogáveis por mais 60. Além de alterar para ministério da Transparência, Fiscalização e Controle a denominação da Controladoria, a MP retira a vinculação do órgão da Presidência da República.

Em 30 dias de articulação, os servidores demonstraram a força do movimento em Defesa da CGU. Os servidores abraçaram a causa por entender que o órgão precisa ser fortalecido e as mudanças provocadas não tem qualquer explicação razoável. “A Controladoria vem se consolidando como um órgão de caráter republicano, não importando partidos, crenças, ideologias ou governos. Nossa atuação sempre esteve pautada na imparcialidade e nas razões técnicas. É inaceitável extinguir ou politizar a função de auditoria”, esclarece Filipe Leão, diretor do Sindicato.

Em um mês de articulação, o Sindicato pautou a reivindicação nos principais veículos do país. Só no dia 30 de maio, além de sucessivas entrevistas para veículos como Globo, SBT, Record, Band, EBC, Veja, Estadão, Folha de S.Paulo, Valor Econômico, CBN, entre outros, o Sindicato ainda concedeu coletiva de imprensa no fim do dia (recorde aqui).

Fonte: UNACON SINDICAL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.